• Adicione o WhatsApp do Chinês Já 11 993367723

12 indicações de livros sobre a China e o mandarim


Como diria a MC Melody, vamos mostrá cultura pra esse povo! Mas... sem brincadeira, conhecer a cultura e a história da China vai povoar a sua mente com elementos essenciais para a compreensão da própria língua chinesa. No entanto, cultura chinesa é infinitamente mais do que aqueles "costumes exóticos" apresentados por aí (inclusive eu já apresentei alguns hehehe); a cultura chinesa, na sua maneira mais alta, está registrada nas obras dos grandes escritores.

Cultura chinesa é saber os dramas, alegrias e possibilidades do chinês de agora e de antigamente: 


Lista dos livros apresentados:

1. Sobre a China - Henry Kissinger
SINOPSE (Livraria Cultura)


Em 'Sobre a China', Henry Kissinger escreve a respeito de um país que conhece intimamente e cujas relações modernas com o Ocidente ajudou a moldar. Lançando mão de relatos históricos e de suas conversas com diversos líderes chineses durante um período de quarenta anos, o autor examina como a China abordou a diplomacia, a estratégia e a negociação através de sua História, e busca refletir sobre as consequências do seu crescimento acelerado para a balança do poder no século XXI.

Adquira esta obra aqui.


2. Cisnes Selvagens - Jung Chang
SINOPSE (Livraria Cultura)

Dos costumes ancestrais às violentas reviravoltas do comunismo, a China passou, em algumas décadas, por uma das mais radicais e amplas transformações já vistas na história da humanidade. Mergulhando nas memórias familiares de três gerações de mulheres, Cisnes selvagens é o relato verdadeiro, com todos os acentos do drama épico, de uma família que tenta preservar a própria humanidade em meio à vertigem e ao horror da trajetória da China neste século."Um magnífico épico que traz à luz todo o lado humano da turbulenta história chinesa do século XX." - Chicago Tribune

Adquira esta obra aqui.


3. Poemas Clássicos Chineses
SINOPSE (Livraria Cultura)


Pensamentos - 'Diante de minha janela, o brilho do luar./ Ou é a geada cintilando no chão?/ Ergo a cabeça e contemplo a lua./ Baixo a cabeça, saudades de minha terra natal!' Expoentes da dinastia Tang - o período de ouro do gênero na China -, estão aqui representados por 95 poemas em edição bilíngue e tradução do chinês. Versando sobre a passagem do tempo, sobre solidão e amizade, sobre a natureza e o mundo dos homens, os autores buscam desvendar ao leitor toda a delicadeza de sua lírica milenar.

Adquira esta obra aqui.


4. Um Repórter na China (Esgotado)
SINOPSE (Veja o vídeo acima)

5. Dicionário Ilustrado Chinês-Português
SINOPSE (Livraria Cultura)

As imagens contidas neste livro apresentam cenas do cotidiano em casa, no trabalho, nas compras e em restaurantes. Indicada para viagens, negócios e estudos, além de situações em que as palavras estão agrupadas por assuntos. Na capa interna do 3 em 1, o leitor encontra uma tabela de combinações de pinyin iniciais e finais adaptadas para a pronúncia em português (escrita e pronúncia).

Adquira esta obra aqui.

6. A Cozinha da Revolução - Ma Jian
SINOPSE (Livraria Cultura)

Dois improváveis amigos - um escritor de propaganda política e um doador de sangue profissional - se encontram toda semana para jantar. Durante uma noite de muita bebedeira o escritor narra as histórias que realmente gostaria de escrever. Dentro de sua cabeça, vive um livro não escrito, cheio de personagens intensos, com muito a dizer sobre a verdadeira China.

Adquira esta obra aqui.

7. Deus é Vermelho - Liao Yiwu
SINOPSE (Livraria Cultura) 

Na China comunista, sob o regime de Mao Tsé-tung, todas as práticas religiosas foram banidas. O comunismo tornou-se a religião nacional e Mao foi entronizado, deificado e adorado. Apenas a igreja oficial era permitida, em seus cultos, apenas palavras de honra e louvor ao regime e ao líder Mao. Esta obra percorre pequenos vilarejos e grandes cidades, trazendo narrativas sobre diversos cristãos chineses que vivem sua fé debaixo do regime socialista, a fim de mostrar como a religião sobrevive mesmo sob dura opressão.

Adquira esta obra aqui.

8. A Imperatriz de Ferro - Jung Chang
SINOPSE (Livraria Cultura)


Não há dúvida de que a imperatriz viúva Cixi (1835-1908) é a mulher mais importante da história chinesa. Tendo governado o país por décadas, ela hoje é considerada a principal responsável por ter conduzido o império medieval à era moderna. Aos dezesseis anos, numa seleção nacional para acompanhantes reais, Cixi foi escolhida para ser uma das concubinas do imperador. Quando ele morre, em 1861, é o filho de cinco anos de ambos que assume o trono. Mas a imperatriz organiza um golpe contra os regentes indicados pelo marido e passa a ser a verdadeira líder da China. A biógrafa Jung Chang descreve com toda vivacidade a luta de Cixi contra os enormes obstáculos que precisaram ser derrubados para mudar o império chinês. Ela foi a responsável por implantar os atributos de um Estado moderno, como a indústria, ferrovias, eletricidade e novos armamentos, e mesmo por avanços como a abolição de torturas milenares e o reconhecimento dos direitos das mulheres.

A autora desmonta, portanto, a visão tradicional de que a imperatriz viúva não passava de uma déspota sanguinária e conservadora. Baseada em documentos fundamentais que só ficaram disponíveis recentemente, esta biografia veio para o entendimento sobre um período crucial da história da China e do mundo. Narrado num ritmo rápido, é tanto um panorama do nascimento de uma nação moderna como o retrato íntimo de uma grande mulher.

Adquira esta obra aqui.

9. Anos de Fartura - Chan Koonchung
SINOPSE (Livraria Cultura)

China, 2013. Com o colapso das potências ocidentais após a crise de 2008, o país se tornou a maior economia mundial, gozando de contínuo crescimento e uma harmonia social nunca vista. As maiores fortunas mundiais estão em mãos chinesas. A bebida mais vendida nos cafés Starbucks é o Latte Dragão Negro com Lichia. É nesse cenário futurista que Chan Koonchung situa seu protagonista, Lao Chen, um escritor taiwanês de histórias de mistério que vive no exílio. Após reencontrar uma antiga paixão, a Pequena Xi, Chen inicia uma investigação para tentar descobrir que fim levaram os 28 dias que desapareceram como que por passe de mágica do calendário, de cujos terríveis acontecimentos ninguém se recorda, e o que causou a aparente amnésia coletiva. E também para entender por que ele mesmo se sente feliz (ou ao menos contente), sem saber exatamente por quê.

Adquira esta obra aqui.

10. Ideogramas e a Cultura Chinesa
SINOPSE (Livraria Cultura) 

Além de abordar a origem dos ideogramas, o livro trata de vários aspectos da cultura da China, já que sua escrita foi criada a partir da representação do real. Com gramática simples, o chinês se baseia numa estrutura composta de dezenas de milhares de desenhos que simbolizavam o pensamento e a filosofia de diversas épocas. O livro é fruto de muitos anos de estudo e pesquisa do artista plástico chinês, naturalizado brasileiro, Tai Hsuan-An. O autor reuniu na obra explicações sobre a etimologia e evolução dos ideogramas, desmistificando os caracteres considerados exóticos pelos ocidentais.

Adquira esta obra aqui.

11. China Made in Brasil
SINOPSE (Livraria Cultura)

Dois países continentais, duas economias emergentes, um futuro em comum. China e Brasil, a segunda e a sétima maiores economias do mundo, estão na ponta dos BRICS, grupo de países emergentes que inclui ainda Rússia, Índia e África do Sul. Hoje a China já é o maior parceiro comercial do Brasil e também seu maior investidor. Ainda assim, o desconhecimento do brasileiro comum sobre a história, a cultura, a gastronomia, as belas paisagens, a economia e os avanços tecnológicos chineses é grande. Apesar da curiosidade que o Império do Meio desperta, a distância geográfica, os caracteres da língua e a diferença de costumes afasta brasileiros e chineses.

As relações entre Brasil e China começaram bem antes da formação dos BRICS. Os dois países continentais mantêm laços há dois séculos, desde o tempo em que o Brasil era um império. Foram completados duzentos anos do primeiro registro oficial de imigrantes chineses para o Brasil. Calcula-se que haja cerca de 6 mil brasileiros vivendo na China e em torno de 250 mil chineses vivendo no Brasil. Hábitos, clima e cultura diferentes não impedem que cada vez mais os dois países se admirem e busquem pontos em comum, seja no comércio ou no turismo, no desenvolvimento tecnológico ou na arte.

Adquira esta obra aqui.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
Um dia vou fazer uma lista de literatura em chinês. Estejam preparados para lê-la até lá!

***********compartilhe!*************

Postagens mais visitadas deste blog

Língua Chinesa: Livros em PDF e outros materiais para download

10 séries chinesas que você tem que assistir

12 apps para aprender CHINÊS DE GRAÇA!